Questões de Concursos


1 - Q576106 ( Prova: ESAF - 2015 - ESAF - Analista de Planejamento e Orçamento - Conhecimentos Gerais / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  )

Em relação aos modelos de gestão pública, é incorreto afirmar:



2 - Q547466 ( Prova: Marinha - 2015 - QC - Administração / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  Administração Pública burocrática;  )

De acordo com Matias-Pereira (2012), assinale a opção que apresenta uma característica da Administração Pública Burocrática. 



3 - Q527995 ( Prova: FCC - 2015 - TCE-CE - Analista de Controle Externo-Auditoria Governamental / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  Administração Pública gerencial;  )

Ao longo das décadas de 1980 e 1990, três visões da Administração pública, com razoável grau de intercâmbio entre elas, surgiram do debate sobre a aplicação da administração gerencial, também conhecida como managerialism, ao setor público: o Gerencialismo Puro, o Consumerism e a Public Service Orientation − PSO. Sobre o tema, é correto afirmar: 



4 - Q527996 ( Prova: FCC - 2015 - TCE-CE - Analista de Controle Externo-Auditoria Governamental / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  Administração Pública burocrática;  )

A Administração pública burocrática 



5 - Q525555 ( Prova: FCC - 2015 - TCE-CE - Técnico de Controle Externo-Administração / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  Administração Pública gerencial;  )

A Administração pública gerencial emergiu na segunda metade do século passado como estratégia para tornar a gestão pública mais eficiente. A Administração pública gerencial



6 - Q525556 ( Prova: FCC - 2015 - TCE-CE - Técnico de Controle Externo-Administração / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  Administração Pública burocrática;  )

Considere:


A redução dos trâmites necessários para exportações e importações entrou no rol das reformas que o Ministério da Fazenda está desenvolvendo para elevar a competitividade do Brasil e aumentar o crescimento da economia. 

Uma pesquisa mostra que o exportador precisa preencher o CNPJ em 17 documentos diferentes e a nomenclatura da mercadoria deve ser registrada em 13 papéis oficiais. Ao todo, há 27 órgãos que tratam de exportações e boa parte deles tem exigências semelhantes, o que faz com que o empresário tenha que repetir procedimentos para fazer uma única transação. Isso gera custo elevado para as companhias exportadoras. 

Estudo feito pelo professor Lucas Ferraz a pedido da Confederação Nacional da Indústria (CNI) indica que, se o tempo necessário para apresentar documentos cair dos 13 dias atuais para 8 dias, a elevação do Produto Interno Bruto (PIB) pode chegar a 1,19%, o que equivaleria a US$ 23,8 bilhões, em 2016. 

                                                               (BASILE, Juliano. Para estimular crescimento, Fazenda quer menos
                                                                               burocracia na exportação.
Valor Econômico, 23/04/2015) 


Com base no fragmento de texto acima e na literatura sobre Administração burocrática, considere as afirmações a seguir:

I. O fornecimento de informações precisas e detalhadas, inclusive para mais de um órgão, garante o controle dos procedimentos e o cumprimento das regras e legislações, gerando a segurança necessária para aumentar a competitividade dos exportadores e importadores brasileiros.

II. O excesso de procedimentos constitui obstáculo à eficiência da economia brasileira.

III. O excesso de trâmites, uma das disfunções do modelo burocrático, aumenta os custos, reduzindo a competitividade do setor de exportação brasileiro.


Está correto o que se afirma em 




7 - Q525191 ( Prova: FCC - 2015 - TCE-CE - Conselheiro Substituto (Auditor) / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  )

O modelo burocrático de gestão na Administração pública apresenta, como um dos traços que o diferenciam do modelo patrimonialista:



8 - Q484249 ( Prova: FGV - 2015 - DPE-MT - Assistente Administrativo / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  Administração Pública gerencial;  )

As opções a seguir apresentam pontos fundamentais do modelo de administração pública gerencial, à exceção de uma. Assinale-a.



9 - Q476160 ( Prova: FCC - 2015 - SEFAZ-PI - Analista do Tesouro Estadual - Conhecimentos Gerais / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  )

Entre as características do modelo de gestão administrativa patrimonialista pode ser apontado, em uma análise crítica,



10 - Q441113 ( Prova: FGV - 2014 - TJ-GO - Analista Judiciário - Apoio Judiciário e Administrativo / Administração Pública / Modelos teóricos de Administração Pública;  )

O modelo burocrático weberiano é um modelo organizacional que desfrutou notável disseminação nas administrações públicas durante o século XX em todo o mundo. O modelo burocrático é atribuído a Max Weber, porque o sociólogo alemão analisou e sintetizou suas principais características (Secchi, 2009, p. 350). Ao tratar do modelo burocrático weberiano, é possível afirmar que ele:




GABARITOS:

Somente os colaboradores contribuintes podem visualizar os gabaritos.

Invista nessa Ideia
Para ter acesso ilimitado invista nessa ideia! Torne-se um Colaborador Contribuinte agora mesmo!


Questões de  Concursos
Você está limitado a imprimir apenas uma página contendo 10 questões.
Invista nessa Ideia
Para ter acesso ilimitado invista nessa ideia! Torne-se um Colaborador Contribuinte agora mesmo!