O Melhor site de questões do Brasil!

Questões da Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação

Aumentar letra Diminuir letra

Palavra-chave:
questões com comentários do professor novo!
Novo site do QC
ImprimirImprimir página | Exibindo 6 de 10 de 3376 no total.
Questões por página:
6 Q487203   Imprimir
Prova: IBFC - 2015 - SEE-MG - Professor de Educação Básica - Nível I - Grau A - Língua Portuguesa
Disciplina: Português

Texto associado à questão Ver texto associado à questão

Não me deixam mentir os exemplos de Don Quixote e Madame Bovary. O primeiro. coitado, de tanto ler aventuras de cavalheiros que jamais existiram meteu-se pelo mundo afora, a crer-se capaz de reformar o mundo, quitha de ossos que mal sustinha a si e ao pobre Rocinante. Quanto à pobre Emma Bovarv. tornou-se esposa inútil para fofocas e bordados, perdendo-se em delírios sobre bailes e amores cortesãos." (2°§)

Ao apresentar brevemente o enredo de clássicos da literatura universal, como “Dom Quixote” e “Madame Bovary”, a autora busca:

  • a) retificar seu posicionamento quanto à importância da leitura.
  • b) corroborar a ideia apresentada no segundo parágrafo, mostrando o poder da leitura.
  • c) mostrar casos em que a leitura traz, de fato, malefícios a quem a pratica.
  • d) delimitar o campo literário como sendo o principal na atividade leitora.



7 Q487204   Imprimir
Prova: IBFC - 2015 - SEE-MG - Professor de Educação Básica - Nível I - Grau A - Língua Portuguesa
Disciplina: Português

Texto associado à questão Ver texto associado à questão

No excerto transcrito abaixo, identifique os referentes textuais dos termos em destaque e assinale a alternativa correta:

Sem a leitura, ele morreria feliz, ignorante dos grilhões que o encerram. Sem a leitura, ainda, estaria mais afeito à realidade quotidiana, se dedicaria ao trabalho com afinco, sem procurar enriquecê-la com cabriolas da imaginação." (3°§)

  • a) Homem, leitura, grilhões, homem, vida, respectivamente.
  • b) Adulto, grilhões, adulto, homem, realidade quotidiana, respectivamente.
  • c) Homem, grilhões, homem, homem, realidade quotidiana, respectivamente.
  • d) Incontrolável, ignorante, homem, adulto, vida, respectivamente.



8 Q487205   Imprimir
Prova: IBFC - 2015 - SEE-MG - Professor de Educação Básica - Nível I - Grau A - Língua Portuguesa
Disciplina: Português

Texto associado à questão Ver texto associado à questão

Ao longo do texto, são apresentados argumentos para justificar uma possível proibição da leitura. Em um deles, no oitavo parágrafo, a autora trabalha com a ideia da liberdade, afirmando que “ser livre não passa de uma ficção sem nenhuma verossimilhança.”. Assinale a alternativa que apresenta a correta relação entre leitura e liberdade segundo o texto:

  • a) A leitura, fonte de conhecimento, possibilitaria a todos que tomassem consciência de suas vontades e lutassem por elas livremente.
  • b) A liberdade é fruto de esforços que independem da leitura, mas seria mais fácil obtê-la sendo letrado.
  • c) A leitura e a liberdade são campos opostos, porém complementam-se, pois aquela é fruto desta.
  • d) A liberdade propicia aos seres humanos exercerem, livremente, sua cidadania desde que sejam leitores ávidos.



9 Q487206   Imprimir
Prova: IBFC - 2015 - SEE-MG - Professor de Educação Básica - Nível I - Grau A - Língua Portuguesa
Disciplina: Português

Texto associado à questão Ver texto associado à questão

                        imagem-001.jpg

Ao analisarmos a fala de Mafalda no último quadrinho, mas levando em consideração toda a tirinha, pode-se inferir:

  • a) uma demonstração de cansaço com a aula, da qual Mafalda deseja sair logo.
  • b) um elogio à professora, com quem foi cortês anteriormente e continua sendo.
  • c) uma atitude contraditória, já que a gentileza de antes fora substitufda por um tom grosseiro gratuitamente.
  • d) uma crítica à professora, cujo teor da aula não traria aprendizagem significativa.



10 Q487207   Imprimir
Prova: IBFC - 2015 - SEE-MG - Professor de Educação Básica - Nível I - Grau A - Língua Portuguesa
Disciplina: Português

Texto associado à questão Ver texto associado à questão

                        imagem-001.jpg

Considerando o trecho “Professores, não contem histórias, pode estimular uma curiosidade indesejável em seres que a vida destinou para a repetição e para o trabalho duro.”, presente no texto I, e a tira acima, é correto afirmar que:

  • a) o trecho do texto I destaca o papel do professor como influenciador da prática de leitura.
  • b) no texto II, a prática da leitura assume significação expressiva para a aluna.
  • c) as “coisas importantes” a que Mafalda refere-se não tern qualquer relação com as práticas de leitura.
  • d) no trecho do texto I, a crítica limita-se apenas à atividade docente.
  • e)



Imprimir

Copyright © 2007-2015 Questões de Concursos. Todos os direitos reservados.