O Melhor site de questões do Brasil!

Últimas questões de Administração de Recursos Materiais adicionas em 2013-10-01

Aumentar letra Diminuir letra

Palavra-chave:
questões com comentários do professor novo!
ImprimirImprimir página | Exibindo 1 de 5 de 6 no total.
Questões por página:
1 Q129687   Imprimir
Prova: NCE-UFRJ - 2009 - UFRJ - Administrador

A Secretaria da Reitoria de uma universidade federal deverá fazer a requisição anual de materiais ao Departamento de Materiais. Dentre os diversos itens de material relacionados pela secretaria inclui-se o formulário padronizado para elaboração de ofícios.
Ao contrário de outros materiais, cujo pedido é feito por meio da utilização de um sistema informatizado de Planejamento de Necessidades de Materiais (MRP I), os formulários para ofício são requisitados com base em uma média móvel ponderada, considerando os últimos 5 anos com pesos de 0,4; 0,3; 0,2; 0,07 e 0,03, do ano mais próximo para o mais distante. A decisão de não utilizar o MRP I para determinação das necessidades deste item de material para o próximo exercício pode ser explicada pelo seguinte aspecto:



  • a) a demanda dos formulários para ofícios é uma variável independente, não podendo ser considerada em processos de MRP I;
  • b) formulários para ofícios não fazem parte das listas de materiais dos departamentos de compras das universidades federais;
  • c) os formulários para ofícios são utilizados em mais de uma atividade da secretaria, não sendo possível estabelecer as necessidades totais do item;
  • d) o formulário de ofício é o nível mais baixo da estrutura do produto (o ofício propriamente dito), cuja demanda não é considerada no método MRP I;
  • e) os formulários para ofícios não são produzidos pela universidade, não sendo abrangidos pelo método MRP I.



2 Q129691   Imprimir
Prova: NCE-UFRJ - 2009 - UFRJ - Administrador

A necessidade de uma organização (X) dedicada ao ensino, pesquisa e extensão contratar os serviços de outra (Y) especializada em logística tem como explicação o fato de:


  • a) logística ser atividade meio e não atividade fim de organizações dedicadas ao ensino, pesquisa e extensão;
  • b) logística é uma atividade por demais especializada para ser realizada por organizações não especializadas, como o caso da X;
  • c) as organizações de ensino, pesquisa e extensão normalmente só controlam o canal de suprimento ou distribuição imediato;
  • d) organizações como a X geralmente não necessitam de serviços logísticos, por produzirem produtos intangíveis;
  • e) a legislação do Ministério da Educação e Cultura veda o investimento em ativos destinados a atividades meio.



3 Q129696   Imprimir
Prova: NCE-UFRJ - 2009 - UFRJ - Administrador

Texto associado à questão Ver texto associado à questão

Considerando que a direção da faculdade considera que as aulas práticas não podem ser interrompidas por falta desse reagente e os dados apresentados acima, o nível máximo do estoque de segurança adequado será de:

  • a) 10 Kg;
  • b) 40 Kg;
  • c) 60 Kg;
  • d) 80 Kg;
  • e) 120 Kg.



4 Q129697   Imprimir
Prova: NCE-UFRJ - 2009 - UFRJ - Administrador

O diligenciamento (ou follow-up, ou ativação) é uma das etapas de qualquer processo de compra. Para garantir que os materiais comprados sejam entregues no prazo e qualidade estipulados e considerando as especificidades de cada tipo de compra e itens comprados, o departamento de compras pode e deve atuar de forma diferenciada. As formas distintas de atuação podem ser classificadas da seguinte forma:

  • a) para materiais regulares, não regulares e especiais;
  • b) com caráter preventivo, curativo ou em procedimentos especiais;
  • c) para materiais em estoque normal, em estoque de segurança e em falta;
  • d) compras regulares, de emergência e excepcionais;
  • e) para processos de compra por convite, tomada de preços ou licitação.



5 Q129698   Imprimir
Prova: NCE-UFRJ - 2009 - UFRJ - Administrador

A variabilidade do resultado é um indicador frequentemente utilizado para avaliar a qualidade de um processo. Na prestação de serviços essa variabilidade é geralmente maior do que nos processos de produção de bens. Essa diferença na variabilidade entre produtores de bens e serviços pode ser assim explicada:

  • a) a qualidade da mão-de-obra dos primeiros é melhor que a dos segundos;
  • b) os primeiros são capital-intensivos enquanto que os outros são trabalho-intensivos;
  • c) os processos de produção dos primeiros são padronizados e os outros não;
  • d) é possível realizar inspeções a 100% nos primeiros, mas não nos segundos;
  • e) os clientes envolvem-se menos na produção de bens do que na de serviços.



Imprimir

Copyright © 2007-2014 Questões de Concursos. Todos os direitos reservados.